Arquivo de Memória do Vale do Côa

CONTAR A HISTÓRIA RECENTE DE REALIDADES DISTANTES

arquivo3


arquivoO Arquivo de Memória do Vale do Côa é um projecto intergeracional, que através da recolha de histórias de vida e de outras actividades paralelas, pretende unir toda a comunidade e valorizar o património imaterial desta região. É um projecto promovido pela ACÔA - Associação de Amigos do Parque e Museu do Côa e apoiado pelo programa Gulbenkian de Desenvolvimento Humano Entre Gerações.

A ideia inicial surgiu de duas premissas: diminuir o isolamento e solidão dos mais velhos, particularmente dos utentes de lares e centros de dia, e a urgência de registar modos de vida que se alteraram radicalmente nas últimas décadas.

Como conjugar estes dois objectivos? Promovendo dinâmicas entre gerações. Os mais novos recolhem os testemunhos dos mais velhos. Criam-se relações e um arquivo de memória acessível para todos.

Novos e velhos contam em conjunto a história recente de realidades distantes.


FIGUEIRA DE CASTELO RODRIGO    

Orlando Lopes, FCR
No autocarro tudo acontece

Maria Ester Varelas, FCR
Os bailes da Juventude

Esmeralda Bordalo, Escalhão
Brincadeiras de infância

Adolfo Rua, Barca d'Alva
Pescar no Douro 
       
PINHEL      
 

Alípio Vicente, Pinhel
 

Leonel Marques, Cidadelhe
 

Silvina Almeida, Cidadelhe
 
       
 SABUGAL      
 

Joaquim André & Dosinda Lucas, Fóios

Dulce Nunes Campo, Fóios

António Pires, Malhada Sorda
 
       
VILA NOVA DE FOZ CÔA      

José Monteiro, Orgal, Pastorícia


Manuel Rodrigues & Celeste Simão, Orgal, Casamento

Américo Monteiro e Maria José Cavacas, Orgal, Música e vizinhança
 


Onde?
O projeto teve o seu início em Vila Nova de Foz Côa, alargando-se depois para outros lugares dos Vales do Côa e Douro. Não
definimos fronteiras, conforme a participação e propostas de cada um no projeto, avançamos no espaço.

O que recolhemos?
Através de som e imagem, vídeo e gravação, registamos testemunhos orais. Relatos de vida ou conversas entre duas ou mais
pessoas, com diferentes experiências e formações. Digitalizamos documentos pessoais (cartas, postais, fotografias...) que passam a
integrar o arquivo de memória. Acondicionamos de forma adequada os originais, para que perdurem, e devolvemos aos proprietários.

Quem regista?
As diversas perspectivas enriquecem o projeto. Profissionais ou amadoras. Disponibilizamos uma base técnica: guião de filmagem,
digitalização de fotografias, questionário....Mas o projeto é aberto. Cada um pode propor a sua linha de recolha e acordaremos a
melhor forma de o fazer para integrar o arquivo de memória. Qualquer um de nós poderá registar, em casa, com um telemóvel, a
história de vida dos seus familiares.

Para que serve o Arquivo?
Para registar e divulgar a História, contribuindo para novas dinâmicas sociais. Pretende-se que seja um arquivo vivo, quer
promovendo linhas de investigação, quer estimulando vias mais criativas e artísticas. Não só recolhemos e disponibilizamos
informação, mas procuramos também apoiar e acompanhar quem neste âmbito pretenda desenvolver os seus projetos.


Nome *

Erro, introduza o seu nome!
Email *

Erro, introduza o seu endereço de email!

Estou interessado em (selecione uma ou mais categorias):
Erro, seleccione uma ou mais áreas de interesse!
Apelido *

Erro, introduza o seu apelido!
País *

Invalid Input
Data de Nascimento *

Erro, indique a sua data de nascimento!