Parque Arqueológico do Vale do Côa

pavc jromba

Sitio da Penascosa, Fotografia de João Romba

Depois de correr entre um profundo vale granítico, o Côa alcança um cenário xístico, com largas encostas onde a amendoeira e os olivais se perdem de vista, até alcançar o Douro. Nos seus últimos 17 kilómetros, as rochas de Xisto que delimitam o rio foram convertidas em painéis de arte com milhares de anos, um legado do impulso criador dos nossos antepassados. Este "Museu ao ar-livre" é o testemunho dos povos nómadas do Paleolítico Superior, da sua vitalidade e mestria na arte de gravar, que nos trazem aos dias de hoje 25 000 anos de história.

gravuras2Classificado como Património da Humanidade pela UNESCO desde 1998, o Parque Arqueológico do Vale do Côa é a maior exposição ao ar-livre de Arte Paleolítica do Mundo, com mais de mil representações, maioritariamente gravuras e algumas pinturas. Os motivos são dominados pela representação dos herbívoros selvagens que habitava o vale - cavalos, auroques, cabras e veados. Existem ainda alguns motivos religiosos e antropomórficos.

Actualmente existem cerca de 60 sítios arqueológicos identificados, espalhados ao longo dos 26 km que constituem o Parque Arqueológico. Três deles são visitáveis, nas aldeias de Muxagata e Castelo melhor, de onde os visitantes são transportados em veículos todo-o.terreno. Locais que podem ser visitados:

- Canada do Inferno (Inicia-se no Muse do Côa, Vila Nova de Foz Côa),
- Penascosa (Inicia-se em Castelo Melhor)
- Ribeira de Piscos (Inicia-se em Muxagata)

Fotografia de António Martinho Batista


VISITAS GUIADAS AOS NÚCLEOS DE ARTE RUPESTRE
Escolha uma visita ao Núcleo da Penascosa, em Castelo Melhor, uma vez que a Grande Rota atravessa esta aldeia na etapa 10 (ESTE e OESTE) a pé, e na etapa 2 de BTT. Opte por fazer uma visita visita nocturna


Para marcar a sua visita ligue:
- Museu do Côa | +351 279 768 260/1 | Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
- Central de Reservas | +351 965 778 799
- Visitas Guiadas



museocoaMUSEU DO CÔA
Construído em 2010 pelos arquitectos Camilo Rebelo e Tiago Pimentel, é inspirado no conceito land art architecture, combinando traços contemporâneos com um uso sábio de espaços interiores, discretamente encaixados na paisagem sobre o vale do rio Côa. O Museu recebeu prémios de arquitectura, que o fazem ser reconhecido internacionalmente.

Arte, Arqueologia e Arquitectura fundem-se no Museu, uma referência no território e a porta de entrada para o Côa antigo, onde a humanidade é revelada através da arte.

CONTACTOS
Museu do Côa, Rua do Museu
5150-610 Vila Nova de Foz Côa, Portugal
Fotografia de  António Martinho Batista

Tel (geral e visitas):  +351 279 768 260/1
http://www.arte-coa.pt

Museu: N 41º 04’ 47.5’’ ; W 7º 06’ 44.4’’
Núcleo da Penascosa, Castelo Melhor: N 41º 01’ 31.7’’ ; W 7º 04’ 00.2’’


* Texto retirado do site Arte-coa.pt


guiadas100x100 canoa100x100 praia100x100 cavalo100x100 termas100x100 rfb100x100 rnsm100x100 pavc100x100 museu100x100 festas100x100
Visitas Guiadas  Canoagem  Praias fluviais Picadeiro
D'el Rey
 Termas Reserva da
Faia Brava
Reserva Natural
Serra da Malcata
Parque
Arqueológico

do Vale do Côa
Museus Animação
e festas locais

Nome *

Erro, introduza o seu nome!
Email *

Erro, introduza o seu endereço de email!

Estou interessado em (selecione uma ou mais categorias):
Erro, seleccione uma ou mais áreas de interesse!
Apelido *

Erro, introduza o seu apelido!
País *

Invalid Input
Data de Nascimento *

Erro, indique a sua data de nascimento!